Árbitro promete ação na justiça contra o presidente do América

O árbitro Igor JunioBenevenuto, integrante do quadro da Federação Mineira de Futebol (FMF) e da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), afirmou nesta segunda-feira que não vai apitar mais jogos do América e vai entrar com uma ação na Justiça contra o presidente do clube, Marcus Salum, e o integrante do conselho de administração, Anderson Racilan, pelas declarações dadas à Rádio Itatiaia, de Belo Horizonte, em que insinuam haver favorecimento ao Atlético por parte de profissionais da arbitragem de Minas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *