Reforma da previdência deverá ser votada somente no próximo ano

As discussões e votação da reforma da previdência deverão acontecer somente no próximo ano, isso devido ao ano eleitoral.

O governo já declarou que a reforma previdenciária é fundamental para equilibrar as contas públicas, no entanto, a tarefa não parece fácil.

Algumas conversas chegaram a acontecer este ano, inclusive com votação marcada para fevereiro, o que não ocorreu.

O Deputado Federal Eduardo Barbosa confirma que a discussão está parada e deverá voltar à tona em 2019 com o novo governo que vai ser eleito em outubro deste ano.

Em novembro de 2017 entrou em vigor a reforma trabalhista. Mesmo com poucos números e estatísticas sobre o fato, também vale lembrar a existência de uma dezena de ações questionando a reforma no Supremo Tribunal Federal, além de uma regulação por Medida Provisória pendente de aprovação na Câmara dos Deputados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *